Vá além e surpreenda!

Solange Bottaro, vice-presidente do Instituto Ramacrisna foi uma das convidadas do Conexão Boas Práticas 60+ “Como dialogar com o patrocinador”, encontro on-line realizado pelo projeto do CeMAIS Caleidoscópio 60+ Nossos Direitos na tarde de 24 de novembro de 2020. Em sua apresentação, ela disse uma frase que definiu bem o objetivo da atividade: “Sempre digo, a gente tem que ir além do fazer direito, precisamos surpreender os nossos parceiros”. 

O encontro foi iniciado às 15h, com a presença de 28 pessoas, pela supervisora do projeto Valda Maciel, que explicou o Caleidoscópio 60+ Nossos Direitos e orientou sobre o funcionamento do encontro. Marcela Giovanna, diretora-presidente do CeMAIS, deu as boas-vindas e apresentou as convidadas: Solange Bottaro e Marina Oliveira, analista de sustentabilidade empresarial na gerência de sustentabilidade da Cemig. 

Quando Solange iniciou sua fala, o número de participantes já havia subido para 46 pessoas. Ela contou que o Ramacrisna está há 61 anos construindo relações de respeito, confiança e credibilidade com parceiros para a transformação social. Solange apontou três áreas como prioritárias para o bom relacionamento com os patrocinadores: transparência, gestão de excelência e comunicação. Ainda reforçou que as instituições que buscam ampliar a mobilização de recursos precisam encarar esses três pontos como investimento prioritário. Essa é a fórmula usada pelo Instituto que hoje está em 13 municípios da Região Metropolitana de Belo Horizonte e conta com patrocínio de grandes empresas, multinacionais e fundos internacionais. 

Marina Oliveira falou em seguida e apresentou o primeiro chamamento público da Cemig para projetos aprovados em Fundos da Pessoa Idosa. Ela explicou que já existe um calendário para 2021 para abertura de editais a cada trimestre. No momento do evento, estavam abertos os editais 3 e 4, sendo o primeiro amplo e o segundo específico para as maiores do Estado. Ela ainda indicou que as dúvidas devem ser enviadas para idosos@cemig.com.br

Quando Marina terminou sua primeira apresentação, haviam 52 pessoas assistindo ao Conexão Boas Práticas 60+. Valda iniciou a rodada de perguntas para as convidadas. Além de dúvidas sobre os editais da Cemig, surgiram perguntas para Solange sobre como começar e dicas para a comunicação com os parceiros. A vice-presidente do Ramacrisna aconselhou a quem está começando que busque quem está próximo e também é pequeno como a sua organização, ou seja, comerciantes e prestadores de serviços do entorno da sua OSC e já inicie com eles um trabalho sério de entregar sempre uma prestação de contas muito correta e bem elaborada. Sobre a comunicação, Solange indicou os vídeos como uma plataforma interessante de conversa com o patrocinador e que o Instituto usa muito, possuindo, inclusive, uma produtora de vídeos entre seus projetos, a Antenados. Ela ainda chamou atenção para a facilidade que as redes sociais trouxeram para o Terceiro Setor levar sua prestação de contas para mais empresas e pessoas. 

Conteúdos que se complementam

Valda comentou que no encerramento da Semana de Monitoramento e Avaliação de Projetos, realizada pelo Caleidoscópio 60+ Acompanhamento de Projetos, entre 16 e 20 de novembro, foi feita uma live com participação dos três setores. O representante das empresas, Thiago Alvim, da Nexo Investimento Social, trouxe uma série de dicas sobre essa relação com o patrocinador que conversam bem com as falas da Solange e da Marina. Confira o vídeo:  

“Quem não é visto, não é lembrado”, disse Marcela Giovanna para incentivar as organizações sociais presentes a participarem de espaços como o Conselho Municipal de Direitos da Pessoa Idosa e outros espaços e movimentos como grupos, fóruns, frentes e conferências. Ela aproveitou para perguntar para Marina porque a Cemig está pedindo a carta de aprovação do projeto no Conselho do Idoso nos editais. 

A analista de sustentabilidade empresarial da Cemig respondeu que nesse momento de corte de gastos nas empresas, o que é viável de investimento social é a destinação de imposto de renda devido via Fundos e Leis de Incentivo. Ela concordou com a colocação da Marcela e acrescentou “onde você tiver oportunidade de falar sobre seus projetos, esteja presente”. Sugeriu ainda que marque com empresas para apresentar seus projetos e participe de atividades de formação e mobilização organizadas para o Terceiro Setor.

Nesse sentido, Valda convidou as 54 pessoas presentes a participarem do GT Envelhecimento da População que o CeMAIS está iniciando nos dias 25 e 26 de novembro para os conselheiros do Conselho Municipal do Idoso de Belo Horizonte, de forma virtual e aberta a todas as pessoas interessadas. Ela ainda colocou que o projeto Caleidoscópio 60+ Nossos Direitos está realizando um levantamento de gestão com as OSCs de atendimento ao idoso que além de contribuir com um diagnóstico que irá guiar a temática das próximas ações do projeto, ajuda a organização a fazer um balanço de sua situação. As organizações interessadas em responder o questionário deixaram o e-mail no chat.

Após conversarem sobre como as organizações estão pensando no final de ano que, em 2020, terá que ser sem festas e confraternizações presenciais, a temática da sucessão e remuneração de diretoria e funcionários entrou no debate. Marcela colocou que se trabalhamos com a garantia de direitos, precisamos começar em casa, garantindo os direitos dos nossos à um trabalho digno e devidamente remunerado. Solange assentiu e completou: “sempre pergunto por que o profissional do Terceiro Setor tem que receber mais ou menos?”. Para ela, quem faz um trabalho de transformação de vida importante como o que é realizado por todos os profissionais no Terceiro Setor merece salário digno. E mais, só assim as organizações poderão ter os profissionais de excelência que merecem e precisam. Valda pontuou que esse é um tema importante e que irá colocar na pauta para um novo encontro. 

O Caleidoscópio 60+ é um projeto aprovado e financiado pelo Fundo Municipal do Idoso de Belo Horizonte que conta com o incentivo da Cemig - Governo de Minas Gerais, Itaú, Vale, BB Consórcios, VLI Logística, Pottencial Seguradora, Gerdau.

 

Links editais Cemig:

https://novoportal.cemig.com.br/chamada-publica/cemig-lanca-edital-para-selecao-de-projetos-aprovados-via-fundo-do-idoso-edital-03-2020/

https://novoportal.cemig.com.br/chamada-publica/cemig-lanca-edital-para-selecao-de-projetos-aprovados-via-fundo-do-idoso-edital-04-2020/ 

2020   |   Todos os Diretios Reservados   |   Yby Comunicação